Brocas cilíndricas e suas variações


Cilíndrica de Topo Plano

Promovem o avivamento de ângulos diedros, produzindo superfícies em ângulo reto. São destinadas à confecção e acabamento de términos em forma de ombro ou degrau marginal em preparos cavitários protéticos. Algumas apresentam diamantes apenas no extremo ativo sendo lisas nas porções laterais, estão especialmente indicadas na definição e acabamento dos ombros e paredes cervicais.

broca diamantada

Cilindricas de Topo Arredondado

Podem ser usadas na determinação inicial de sulcos de orientação e na redução das faces vestibular, oclusal, lingual e proximais em preparos protéticos extra-coronários. Propiciam términos cervicais em ombro com ângulos internos arredondados.

broca diamantada

Cilíndricas de Topo Ogival

As pontas cilíndricas de topo ogival têm sido utilizadas para a confecção de sulcos de orientação e redução das superfícies oclusal, vestibular, lingual e proximais em preparos para coroas totais e facetas laminadas. O topo em forma de ogiva possibilita a delimitação do término marginal chanfrado.

broca diamantada

Cilíndricas de Topo Cônico

A angulação da ponta ativa determina um degrau com 135° de inclinação (chanferete) em preparos dentários extra-coronários (coroas totais) com ângulo interno definido.

Cilíndricas de Topo Plano com Stop

Apresentam limitador de penetração. Podem ser utilizadas para a confecção de canaletas para retenção mecânica de cavidades para restaurações diretas. São empregadas também na preparação de cavidades padronizadas para ensaios de laboratório (pesquisa in vitro).

Cilindricas de Topo em Chama

Utilizadas na confecção de bisel proximal ou término em chanferete nas restaurações metálicas fundidas ou coroas metalocerâmicas. Também indicadas para confecção de bisel em restaurações de resina composta e acabamento/ refinamento de peças em porcelana.

via [manual kg]

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *