Dentes de crianças obesas nascem mais cedo?

Nos Estados Unidos existe uma preocupação muito grande quanto à obesidade infantil. O país do fast-food e da comida gordurosa gasta bilhões de dólares todos os anos com doenças relacionadas a obesidade. Agora surgem alguns estudos relacionando os efeitos negativos de uma dieta rica em gordura e carboidratos no desenvolvimento da dentição das crianças.

A revista americana Obesity divulgou um estudo relacionando a obesidade infantil com erupção de dentes de leite e permanentes. A análise transversal, que analisou a ligação entre obesidade e erupção dentária, verificou que os dentes de crianças obesas irrompem mais cedo do que aqueles de crianças não obesas. As crianças obesas têm em média 1,44 dentes a mais que a erupção do primeiro grupo (p < 0,0001).

Obesidade infantil e problemas nos dentes

A disparidade foi ainda maior entre as idades de 10 e 11 anos, quando as crianças obesas apresentaram uma média de 2,7 mais dentes e uma média de seis dentes permanentes. Essa erupção dentária antes do tempo preocupa os dentistas pois os dentes acabam ficando expostos aos fatores de risco de cárie mais precocemente e a probabilidade de má oclusão é maior.

Aqui no Brasil, ja se tem noticiado que a obesidade infantil já atinge 10% das crianças então por mais que este seja um estudo novo abordando a relação entre obesidade e erupção dentária é importante que os dentistas brasileiros fiquem atentos sobre esse tema.

Para mais notícias relacionadas a odontopediatria visite o Tio Dentista

Link para adquirir o artigo científico: Obesity

 

Você pode gostar...

3 Resultados

  1. ROBERTO disse:

    MUITO INTERESSANTE ESSA INFORMAÇÃO

  1. 28 de março de 2012

    […] Dentes de crianças obesas nascem mais tarde? –> OdontoBLOGia […]

  2. 9 de abril de 2012

    […] o restante dessa matéria no blog OdontoBlogia  Escrito por Dr. Aurélio Belas | 0 […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *