Xerostomia: a terrível sensação de boca seca

Xerostomia (sensação de Boca Seca) é a diminuição do fluxo salivar, podendo se manifestar por condições fisiológicas, patológicas, locais ou sistêmicas. Com o avançar da idade o metabolismo corpóreo torna-se menor, gerando uma menor produção de saliva pelas glândulas, que associada à diminuição dos ductos salivares, dificulta a saída de saliva, o que torna a mucosa bucal ressecada.

Efeitos causados pela Xerostomia:

  • Sensação de secura;
  • Falta de lubrificação e umidificação nas células epiteliais da mucosa bucal gerando lesões;
  • Diminuição das defesas pelos anti-corpos presentes na saliva;
  • Induz a um aumento do número de cáries;

Algumas doenças ou condições sistêmicas causam uma diminuição na produção de saliva, como em pacientes submetidos a hemodiálise, diabetes mellitus, hipotireoidismo e síndrome de Sjogren. Neoplasias malignas da cabeça e pescoço, que se submetem a tratamento radioterápico nessa região, têm as glândulas salivares afetadas pela radiação e uma considerável redução. Pacientes hipertensos que tomam medicamentos para controle da pressão arterial acabam também sofrendo os efeitos da xerostomia.

A xerostomia, quando provocada por alguma alteração não diretamente ligada às glândulas salivares, pode ser controlada apenas com o uso de substâncias que subtituem a saliva, como a saliva artificial, ou com fluidos e géis que promovem a umidificação da boca, tornando os efeitos indesejáveis da xerostomia mais atenuados.

Você pode gostar...

2 Resultados

  1. 2 de março de 2011

    […] as que tiveram cáries nos doze meses precedentes, os diabéticos, os hipertensos, os que têm um fluxo de saliva menor e aqueles cujo sistema imunológico esteja […]

  2. 1 de setembro de 2011

    […] 3- Se a sua boca ficasse completamente seca, você não seria capaz de distinguir nenhum […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *