Avulsão dentária: dente saiu inteiro, o que fazer?

Avulsão dentária: um trauma comum

A avulsão dentária é uma urgência frequente em consultório odontológico principalmente para os odontopediatras. O atendimento imediato raramente é feito pois o cirurgião dentista não está presente no momento do trauma. Pais ou responsáveis não tem conhecimento de quais os procedimentos devem realizar o que acaba gerando muitas dúvidas e preocupações.

A avulsão dentária é quando ocorre a saída total do elemento dental (permanente ou decíduo) associado a um trauma (batidas, pancadas, tombos etc..). O alvéolo (local onde o dente esta alojado) fica vazio ou preenchido com coágulo e o prognóstico depende de diversos fatores.

Avulsão Dentária

Estes traumas ocorrem principalmente nos dentes anteriores (da frente) e mais comuns em crianças.

 

O dente saiu inteiro. E agora?

Caso você presencie uma situação de avulsão de dente permanente, rapidamente o dente deve ser armazenado em leite gelado (4°C) para melhor conservação do ligamento periodontal.Também pode ser utilizado soro fisiológico e a saliva.

O dente deve ser segurado sempre pela coroa e deve ser reimplantado o mais rápido possível. Em seguida deve-se morder uma gaze ou algodão e procurar um dentista.

Se reimplantado em menos de 60 minutos, o prognóstico é favorável, porém, se houver demora ou se o dente for mantido seco ou em soluções não indicadas é desfavorável. A perda do dente pode ocorrer.



No consultório do dentista exames radiográficos são realizados e uma contenção nos dentes é feita e permanecerá por 2 semanas.

E depois o que acontece?

Nos dentes reimplantados a necrose pulpar é bem provável. O tratamento endodôntico (canal) deve ser realizado em até 14 dias após o trauma.

O dentista fará um acompanhamento mensal e em seguida semestral para avaliar as condições do dente.

Um atendimento rápido e adequado são fundamentais pois a perda de um dente permanente dessa forma pode gerar grande impacto negativo sobre a qualidade de vida das pessoas.

Os artigos consultados para a elaboração deste textos você encontra aqui.

 

Faça sua pergunta

error: ODONTOBLOGIA - 2008 - 2018