Cárie de Mamadeira: como prevenir e tratar?

O que é Cárie de Mamadeira ou Cárie precoce da infância?

Qualquer criança que apresente lesões de cárie até os 5 anos de idade é considerada afetada pela cárie de mamadeira ou Cárie precoce da infância (CPI). Os dentes decíduos (de leite) são afetados de forma severa e descontrolada. É importante que as mamães recebam todas informações necessárias desde a época do pré-natal.

Porque meu filho teve cárie de mamadeira?

A causa principal é a de permitir que bebês e crianças pequenas alimentem-se pela mamadeira (com líquidos açucarados) e não seja feita a correta higiene bucal. Os pais não devem utilizar a mamadeira como se fosse uma chupeta. Durante o sono o fluxo salivar é diminuído o que facilita a instalação da carie.

Outros hábitos como “beliscar” alimentos açucarados antes de dormir, uso de copos ou garrafas com canudos anexados devem ser evitados. Estes copos ou garrafas se utilizados com líquidos açucarados permitem que a criança perambule pela casa mantendo sempre o líquido cariogênico em contato com os dentes.

Este tipo de cárie também pode ocorrer com amamentação de peito prolongada.

Quais as características?

Cárie de Mamadeira

Destruição dos incisivos superiores

As lesões de carie tem um crescimento descontrolado que afetam os dentes superiores anteriores inicialmente. Em seguida, os dentes posteriores também são atingidos pelas lesões. Como os caninos tem uma erupção mais tardia que os primeiros molares acabam sendo menos afetados. Assim como os caninos, os incisivos inferiores são menos afetados pois nessa região o fluxo salivar é maior e também pela posição da língua.

Que cuidados devo tomar para que minha criança não tenha cárie de mamadeira?

  • Interromper o hábito de dormir com mamadeira ou usar mamadeira antes de dormir;
  • Fazer a correta higienização dos dentes com dentifrício fluoretado com 1000ppm respeitando a quantidade adequada para a idade;
  • Receber orientação quanto os hábitos alimentares de toda a família;

Qual o tratamento?

Se diagnosticado precocemente os dentinhos podem ser restaurados. Infelizmente alguns pais negligenciam o fato e dão pouca importância pois consideram os dentes de leite transitórios e sem função.

Casos extremos podem levar à infecções dentárias e necessidade de tratamento endodôntico ou extração. Dessa forma, é importante que à partir do momento que os dentinhos começam a nascer a criança deva consultar com um dentista ou odontopediatra. Orientações valiosas serão obtidas e medidas preventivas serão efetivadas.

Faça sua pergunta

error: ODONTOBLOGIA - 2008 - 2018