Mordida Cruzada: Qual o tratamento?

Mordida Cruzada

Mais comum do que muitos imaginam, a mordida cruzada trás muitas dúvidas e preocupações. O fato de os dentes superiores e inferiores não se “encaixarem” da forma mais adequada pode trazer uma série de problemas. Assim a maneira mais fácil de exemplificar este “desencaixe” é através de fotos.

Exemplo de Mordida Cruzada Posterior

Tipos:

A mordida cruzada pode ocorrer / ser tanto nos dentes posteriores (de trás) tanto do lado esquerdo como do lado direito, nos anteriores (frente), por razões dentária ou óssea.

Mordida Cruzada Anterior e Posterior

Quais as causas afinal?

  • Fatores genéticos (hereditariedade);
  • Defeitos no desenvolvimento ósseo;
  • Hábitos de sucção por exemplo: chupar dedo, chupeta ou então mamadeira;
  • Ser respirador bucal e ter deglutição atípica;
  • Traumatismos dentários;
  • Retenção prolongada do dente de leite;

Que problemas pode ocasionar por exemplo?

  • Mal posicionamento dos dentes;
  • Falta de espaço;
  • Dor temporo mandibular;
  • Alterações na fala;
  • Dificuldade na mastigação.
  • Dificuldade na respiração;
  • Deformação facial;

Tenho mordida cruzada. Qual o tratamento?

O ortodontista é o profissional mais indicado para poder informar ao paciente os tratamentos mais adequados, modernos e rápidos para cada caso. Uma certeza é a de que quanto mais cedo diagnosticada a alteração mais rápido e com melhores resultados se dará o tratamento.

Ou seja, ao notar qualquer alteração dentária na criança procure imediatamento seu dentista. As crianças em fase de crescimento / desenvolvimento ósseo se adaptam muito melhor ao tratamento ortodôntico. Em adultos, muitas vezes a única alternativa envolve procedimentos cirúrgicos muito mais invasivos.

Qual aparelho vou usar então?

A ortodontia é uma das especialidades odontológicas que mais vem se desenvolvendo em pesquisa, instrumentais e tratamentos. Então, a cada ano novas alternativas surgem. Os aparelhos mais conhecidos e utilizados para o tratamento da mordida aberta são os Hyrax (foto) e Hass ou popularmente chamados de “aparelhos do céu da boca” por exemplo. São aqueles que na maioria dos casos possuem uma “chavinha” para ir ajustando diariamente (disjuntor palatino).



Estes aparelhos são utilizados em crianças por 4 a 6 meses em média. Podem causar algum desconforto mas muito raramente dor. Durante a sua utilização para “expandir” o céu da boca ocorre um afastamento normal dos incisivos centrais superiores (diastema) que é corrigido ao longo do tratamento ortodôntico.

Como mencionado anteriormente a odontologia esta em constante evolução. Assim somente seu dentista poderá informar qual o melhor tratamento ortodôntico / ortopédico é o ideal para você.

Concluindo…

Portanto se você leu atentamente percebeu que o sucesso do tratamento depende do diagnóstico precoce. Tenha certeza de que se você não intervir com o auxílio da ortodontia a mordida continuará “cruzada”.

Assim, para maiores informações e pesquisar sobre estudos científicos recentes sobre este tema é só clicar aqui.

Faça sua pergunta

error: ODONTOBLOGIA - 2008 - 2018