Quanto tempo leva para se fazer um tratamento de canal?

Quanto tempo leva para se fazer um tratamento de canal?

Normalmente quando se fala em tratamento de canal essa é a primeira pergunta feita ao dentista: “Quanto tempo leva para se fazer um tratamento de canal?” ou então: “Dói muito?” ou “Eu prefiro arrancar meu dente do que tratar o canal”. Muita calma nessa hora.

É fato que as pessoas ouvem muitas histórias negativas quanto ao tratamento de canal. Dor, medo e consultas intermináveis faziam com que muitos preferissem arrancar o dente do que tratar ( já escrevemos sobre este tema aqui).

Saiba que na atualidade o tratamento endodôntico (canal) se modernizou muito. Há alguns anos atrás o dentista precisaria utilizar uma série de instrumentos de forma manual (limas) em sequência, realizar diversos exames radiográficos para verificar o comprimento das raízes, trocar várias vezes o “curativo” do canal entre outros.

Altamente desgastante tanto para o profissional quanto para o paciente.

O que mudou?

Hoje o tratamento de canal é dominado pelos instrumentos mecanizados. Limas endodônticas de alta tecnologia, medidores do comprimento radicular (localizador apical) e medicamentos cada vez mais eficazes. Até o uso de microscópios garante então uma precisão muito maior para o dentista.

Quanto tempo leva para se fazer um tratamento de canal

Antigamente, cada uma dessas limas era utilizada de forma manual pelo dentista

Dependendo do seu caso clínico (que somente o dentista pode avaliar) o tratamento pode ser realizado em apenas uma sessão. Então em casos onde não ocorre grande infecção no dente e dependendo da técnica e instrumentais que o dentista utiliza, isso é possível.


Quanto tempo leva para se fazer um tratamento de canal

A endodontia mecanizada agiliza o tratamento

Em casos de lesões periapicais (abcessos, granulomas ou cistos) a sessão única é menos comum mas também pode ser realizada então sem qualquer problema. Como dito anteriormente, tudo vai depender da habilidade do profissional, tempo disponível e dificuldades técnicas encontradas.

O tratamento não é coisa simples. O dentista precisa “abrir o dente” até chegar à câmara pulpar (“onde fica o nervo do dente”), preparar os canais, limpar, modelar e obturar (selar). É uma sequência de passos que devem ser realizados de forma minuciosa e precisa.

Então doutor, quanto tempo leva para se fazer um tratamento de canal?

Procure seu dentista de confiança para definir o diagnóstico do seu caso e a melhor alternativa de tratamento. Somente assim será possível definir o número de sessões. Dessa forma técnicas bem realizadas vão garantir o sucesso do seu tratamento independente ao número de idas ao dentista.

Assim, você pode ter certeza o tratamento de canal nos dias de hoje é muito menos “traumático”.

Para pesquisas científicas sobre o tema clique aqui.

Nenhum Comentário

Faça sua pergunta

error: ODONTOBLOGIA - 2008 - 2018